Total de visualizações de página

domingo, 14 de maio de 2017

Próximos Passos Após Vender Imóvel: Como Funciona e Onde Aplicarei?

.
.

Olá pessoal, tudo bem com vocês?

Contando um pouco da história de Construtor, para quem quer entrar no meio.

O blog vai andar meio capenga, como disse esta mais para o encerramento, pois meu tempo esta curto, tenho projetos e metas ambiciosas no Projeto Trabalho e manterei firme e forte o Projeto Saúde, logo, tive que abrir mão do Projeto Blog.

Quando der vontade, como hoje, postarei algo.

Explicar um pouco, em poucas palavras, como funciona o processo após a venda de um imóvel.



Basicamente, você entra em contato com algumas imobiliárias, que vão ofertar o seu imóvel em seus respectivos sites e mídias sociais.

Toda imobiliária, logicamente, lhe cobrará um percentual do valor do imóvel como corretagem, ou seja, o trabalho de divulgação até a venda terá um preço, pago na confirmação da venda.

Como citei em posts anteriores, realizei a última venda do imóvel da minha obra anterior, logo, estarei 100% líquido para pensar no próximo empreendimento (e pra ser sincero estou pensando bastante se vou construir novamente, pois, apesar de gostar bastante do ramo, conciliar com meu atual cargo no Trabalho e arrumar pessoas de confiança para tomar conta e trabalhar lá, bem como reiniciar todos os trâmites, me desanimam bastante).

De qualquer forma, reafirmo que Construção para mim bate todos os demais investimentos que tenho. Acredito que apenas compra de imóveis penhorados tenha um percentual maior, até pelo maior risco envolvido.

.
.

Mesmo tendo que reduzir o preço pra vender (e nesta última venda eu realmente não consegui ganhar nem R$ 1.000,00 da oferta do comprador – Ele fez uma oferta abaixo do meu preço, tentei negociar, mas não consegui subir nem mesmo este valor – Paciência – O momento é do comprador), ainda tive um lucro muito bom a ser considerado no Patrimônio. Ps.: Não me perguntem quanto e nem o percentual, pois não revelarei.

Pois bem, voltando ao tema:

Um corretor muito bom me ligou, levou alguns clientes, e um deles fez a oferta. Fechamos negócio.

Os trâmites para a assinatura do Termo de Compra e Venda demoraram uma semana. Eu não pedi sinal na negociação, receberei o montante completo através do financiamento bancário que o comprador fará pela Caixa Econômica. Melhor explicando, o sinal já ficará com a imobiliária, pagando a corretagem, digamos assim.

Estou me tornando um construtor mais profissional, logo, até para evitar problemas, eu não quero contato algum com o comprador das minhas casas. Como houve um corretor intermediando, já alinhei com o corretor para que o comprador não tenha meu telefone e que se precisar de qualquer coisa, que entre em contato com a imobiliária, e eles me contatam.

O comprador até pediu para "trocarmos contatos", mas educadamente eu saí fora ... Não quero contato nenhum mesmo.

Já tive problemas com outros compradores, pois, eles acham que nós construtores somos ricos com as nossas grandes empresas, logo, deslocar um bombeiro, um eletricista, ou qualquer outro profissional eles acham que é super simples e sem problemas. Ledo engano.

Logicamente damos garantia de 5 anos na casa (estrutural), mas, deixar que o comprador tenha seu contato significa que, se uma lâmpada queimar, ele vai te ligar ... E não é isto que eu quero mais.

A reunião de assinatura do contrato se deu na própria imobiliária, onde fiquei conhecendo o comprador.

Não fiz muita questão de ser conversador como sempre sou, ou seja, me mantive ali como profissional, num acordo profissional entre duas partes, e não um acordo de compadres.

Lemos o contrato, estipulamos as últimas cláusulas contratuais, imprimimos, cada um leu, rubricou cada folha e assinou ao final.

Negócio fechado! Agora, se desistir, tem que pagar multa de 10% do valor do imóvel fora algumas outras coisas. Do lado do comprador e do vendedor, logo, já considero a última casa vendida, e terei que alertar às demais imobiliárias para retirarem os anúncios.

É impressionante que em toda reunião de venda de imóveis, o comprador tenta passar a imagem de que é cheio da grana e rico, bem de vida. Eu não entendo esta mania de querer impressionar o vendedor da casa e a imobiliária ... Sei lá o que se passa na cabeça destas pessoas.

Financiando 100% do imóvel, não é bem assim né meu filho, mas pra mim pouco importa se vai pagar à vista ou financiado, desde que eu receba o montante total.

Bem, após assinatura do contrato, o que acontece agora é: Entra em cena a figura do despachante da Caixa Econômica Federal, que intermediará e controlará a entrega da papelada completa para que o financiamento em nome do comprador seja aprovado.

Do meu lado, deverei fornecer alguns documentos da obra, incluindo o Memorial Descritivo, que basicamente especifica os principais materiais do imóvel (portas, janelas, revestimentos, etc.). Tudo isto é feito pelo engenheiro que assina as minhas obras, e já nesta semana desembolsarei o valor desta atividade.

.
.

Outros documentos que proverei são relacionados ao cartório, como certidões negativas, e outras. Isto tudo a imobiliária providencia para mim, eu só pago o valor do cartório a eles.

Haverá também a visita de um engenheiro da Caixa Econômica Federal na última casa, para confirmar que o imóvel esta condizente com os valores a serem financiados. É algo simples, nunca tive problemas aqui, pois sigo rigorosamente o projeto, normas e demais trâmites de aprovação de projetos e construção (só um tapado acha que basta fazer um barraco de qualquer jeito que aceitará financiamento, o negócio é bem rigoroso e complicado, mas, quem acha uma bobeira destas nunca terá condição de construir nem um barraco mesmo).

Com todos estes trâmites, a expectativa é que eu veja a cor do dinheiro entre 45 a 60 dias.

Na minha última venda financiada pela Caixa, foram exatos 3 meses e 14 dias (processo foi extremamente lento e tudo que poderia dar erro, deu, inclusive com mudanças de documentos, certidão que venceu – período 30 dias, etc.). Foi complicado.

Bom, é isto aí: Daqui há uns 45 a 60 dias eu recebo uma bolada em minha conta bancária da Caixa Econômica Federal, e pensarei como irei usar este novo valor.

Fundos Imobiliários?

Novo lote e construção? Prédio? Casa Geminada?

.
.

Não sei ...

Terei bastante tempo para pensar sobre o assunto ... Na dúvida? TD Selic na veia!

Abração

.
.

VDC – VIVER DE CONSTRUÇÃO

26 comentários:

  1. O que é coberto pela garantia estrutural VDC?
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao pode haver trincas nas paredes, e o imovel deve permanecer com os aspectos de segurança e solidez. Sao 5 anos a contar da emissao do Habite-se.

      Excluir
  2. VDC, quero ser como você quando crescer.

    Em algum momento você tentou anunciar sem o intermédio de imobiliárias ou resolveu recorrer diretamente a elas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entao, este ano estou bem atarefado e nao anunciei como antes. Vendi por imobiliaria mesmo.

      Ano passado vendi uma casa diretamente sem imobiliaria, a outra foi por imobiliaria.

      Agora é pensar a proxima obra, ou aplicar o montante e aumentar a renda passiva ... duvida cruel em minha mente.

      Abraçao

      Excluir
  3. Dúvida aleatória: porque você tem a si próprio no blogroll?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha esta aprendi com o mestre Conhecimento Financeiro aqui embaixo VVVV

      Facilita ver a atualizacao de postagens, pra ver se o novo post ja esta no blogroll da galera parceira.

      Abraçao Madrugassss

      Excluir
  4. Grande VDC, que bom que você vendeu os imóveis. Alcançada a vitória, siga em frente, mantenha o ritmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim CF, graças a Deus.

      Missao cumprida.

      O lucro reduziu,.tive que abaixar o preço, mas ainda assim a lucratividade foi boa para um periodo de menos de 2 anos.

      Vou começar a olhar lotes agora.

      Abraçao

      Excluir
  5. Grande VDC! Parabéns meu amigo, mais uma etapa concluida. Poderia falar sobre o Imposto de Renda sobre vendas dos imoveis? sempre há uma duvida sobre o ir em compra e venda de imoveis.

    Forte abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Marujo,

      Continue acompanhando. Postarei aqui sim.

      Estou sofrendo pra conseguir a documentacao, as regras da caixa mudaram e terei que desmembrar a matricula dos imoveis, entao é mais papelada para arrumar.

      Terei posts especificos sobre.

      Abraço

      Excluir
  6. Parabéns VDC,
    Agora é fazer esses dinheiro crescer mais ainda.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu CI,

      Sempre presente. To devendo uma visita no seu blog.

      Dei uma desanimada com blog, internet, mas continuarei na luta, postando, menos que antes, mas ainda assim aqui com a galera.

      Regra numero 1 minha e nao perder dinheiro. Esta estou cumprindo.

      Abraçao

      Excluir
  7. VdC
    Como encontrar os documentos para criar uma casa totalmente nos padrões financiáveis para a CEF ?
    E qual o seu critério de escolha de lote ?
    abraçao!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Joao,

      Basta seguir as leis de construcao do estado e cidade.

      Sendo projeto aprovado pela prefeitura, sera financiavel pela caixa se tiver toda documentacao.

      Escolha de lote depende da obra e objetivos. Gosto de lotes planos, lado superior da rua.

      Abs

      Excluir
  8. Olá VDC, vc me indicaria para comprar lotes, em bairros que estão se iniciando, ou bairro já formados?
    abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bairros ja formados. Bairro em desenvolvimento serve pra comprar o lote e esperar alguns anos valorizando, pra construir bairros consolidados e melhor. Abs

      Excluir
  9. VDC, outra pergunta como vc faz a busca deste lotes, através de site.Ex. OLX, etc, ou imobiliárias, muito grato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pessoalmente é melhor. Imobiliaria vc paga agio. Olx nao muito confiavel. Abs

      Excluir
    2. Entendi.. até realizei umas buscas de lotes, mas na minha região quase não tem e quando vc acha os preços que eles pedem é mais caro do que comprar uma casa.

      Tem alguns bairros afastados da região da minha cidade, mas fico na dúvida em arriscar.. tenho o pensamento de comprar em um bairro que já possui boa localição e melhorias presentes, pois acredito que é mais facil pra vender, o grande o problema é os preços que eles pedem fora da realidade

      Excluir
    3. Sim. Lote em cidade grande so da certo se construir varios andares num predio. So assim pra ter lucro.

      Escolha muito bem a regiao e veja se o local aceita obras. Exemplo tem locais q nao pode ter determinado projeto.

      Outra coisa: Roubos. Dependendo do bairro vc nao tera sossego na obra e isto aumenta os custos.

      Abraço

      Excluir
  10. Boa noite VDC
    Quando você não esta construindo o que seu chefe de obras faz? Ele vai pra outras obras ou não faz nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola .vai para outras obras. Contrato de empreitada com outros construtores.

      Abraço

      Excluir
  11. Você nunca teve interesse em cursar engenharia civil?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, tive. Foi a minha segunda opcao de curso.

      Eu era muito fa de computadores e acabei indo para o lado da TI, hoje atuo mais na parte gerencial de ti.

      Abraço

      Excluir
  12. VDC, parabéns pelo Blog.

    Também tenho interesse em investir em construções, assim como você.

    Para quem não é da área qual a equipe que precisa ser montada para a execução de um projeto? Imagino que eu precise de uma imobiliária, um engenheiro e um mestre de obras.

    É nessa linha?

    ResponderExcluir

Obrigado pela presença! Aprovarei rapidamente seu comentário e responderei brevemente! Grande abraço, VDC - Viver de Construção

Pesquisar no Blog ...

Postagens Populares